Linda Cusimano

Mônica è la mia  “sorella brasiliana”. L’ho conosciuta dieci anni fa quando mi sono recata a S. Paolo per tenere un corso di aggiornamento per insegnanti presso l’Istituto Italiano di Cultura . Mônica ha concordato con me il contenuto del corso  e mi ha sostenuta durante la sua realizzazione. Dopo il nostro incontro a S. Paolo è iniziata una fitta corrispondenza  sia sul piano personale che professionale.  La nostra amicizia si è consolidata  quando Mônica si è trasferita in Germania.  In quel  periodo è nato anche il progetto di revisione del manuale Linea Diretta, un corso d’italiano per stranieri.  Mônica mi è stata spesso d’aiuto con i suoi preziosi consigli o partecipando  talvolta attivamente al progetto. È stata inoltre una valida collaboratrice nella fase di “collaudo” delle lezioni. Mônica rappresenta per me anche un ponte con la cultura brasiliana. E ogni volta che ascolto uno dei CD avuti da lei, il ricordo va immediatamente a questa persona speciale che per me è Mônica, la mia “sorella brasiliana”.

TRADUÇÃO:

Mônica é minha “irmã brasileira”. Eu a conheci há dez anos, quando fui a São Paulo dar um curso de atualização para professores no Istituto Italiano di Cultura. Ela acertou comigo o conteúdo do curso e me deu suporte durante a sua realização. Depois de nosso encontro em São Paulo iniciou-se uma intensa correspondência, tanto no âmbito pessoal quanto profissional. Nossa amizade consolidou-se quando Mônica se mudou para a Alemanha. Nesse período, deu-se início ao projeto de revisão do livro Linea Diretta, um curso de italiano para estrangeiros. Mônica ajudou-me, frequentemente, com seus preciosos conselhos ou, às vezes, teve participação ativa no projeto. Foi também uma valiosa colaboradora na fase de “ensaio” das aulas. Mônica também representa para mim uma ponte com a cultura brasileira. E, cada vez que ouço um dos CDs que ela me deu, a lembrança vai imediatamente para esta pessoa tão especial, Mônica, minha irmã brasileira.

Anúncios